Dr. Inácio Ventura

Dr. Inácio Ventura - Ortopedista - Quadril e Joelho - Brasília, DF

Quem tem prótese de quadril pode praticar esportes?

Quem tem prótese de quadril pode praticar esportes?

Tempo de leitura: 2min30s

Cada vez mais pessoas jovens e ativas precisam submeter-se à cirurgia de prótese do quadril, muitas destas praticantes de esporte em alta intensidade. Nesse momento, os questionamentos a respeito da possibilidade de retorno às atividades atrapalha e até adia a decisão pelo procedimento. Mas a cirurgia de prótese de quadril é uma das cirurgias com melhor risco-benefício na história da medicina. Assim, é possível retornar ao esporte, inclusive àqueles de alto impacto, após a artroplastia de quadril.

O que esperar de uma artroplastia de quadril?

A avaliação para decisão pela cirurgia de prótese de quadril deve levar em consideração dois aspectos:
Resultados imediatos, com recuperação rápida no pós-operatório e retorno às atividades diárias e esportivas;
Durabilidade em longo prazo, sem desgaste da prótese.

Este é o objetivo da artroplastia, devolver ao paciente sua autonomia e qualidade de vida, retirar a dor e a limitação de movimento para que ele possa retornar às suas atividades normais.

Poderei voltar a praticar esportes?

Atletas de alto nível passam a vida se preparando para praticar esportes, por isso, suas condições físicas e psicológicas auxiliam um retorno mais rápido às atividades, inclusive atividades físicas intensas. Mas todo paciente que passa por uma cirurgia de prótese de quadril tem possibilidade de retornar às atividades físicas.

Contudo, a prática de esportes em alto nível, em longo prazo, ainda não foi estudada em profundidade para que a medicina possa afirmar as consequências futuras tanto para o paciente, quanto em relação ao desgaste da prótese. Por isso, o importante é que a decisão seja do paciente, após conversa esclarecedora com o médico. Somente o paciente poderá dizer se vale a pena retomar os exercícios.

VEJA TAMBÉM:  Qual o momento ideal para a cirurgia de prótese?

Tecnologia e técnicas minimamente invasivas

Em relação à amplitude de movimento e funcionalidade, os resultados alcançados com a prótese são muito próximos aos de uma articulação normal. A evolução e a tecnologia aumentaram a durabilidade dos materiais.

As técnicas minimamente invasivas também contribuem para o retorno rápido às atividades do dia a dia e ao esporte. A conservação de músculos, tendões e ossos durante a cirurgia pode colaborar para uma recuperação em menor tempo. Isso porque, com a prótese, há melhora da função e redução da dor.